Pular para o conteúdo principal

Escritora lança livro sobre os inimigos da saúde

 Com a atual pandemia de Covid-19, muito tem se falado sobre imunidade e como potencializá-la para evitar a contaminação com o vírus.  O corpo humano é dotado de poderosos agentes de defesa naturais que tem como objetivo garantir a manutenção da saúde e bem-estar.  Atenta a esse conceito, a especialista em Saúde e Bem-Estar, Delanie Viana lança seu livro “Como Vencer os Inimigos da Saúde” no dia 27 de fevereiro, às 18h, no Pellicano Café, em Casa Forte.

A publicação traz um novo olhar sobre o corpo humano e como ele está capacitado para enfrentar e vencer cada batalha. Nele, são revelados os segredos dos campeões da saúde que, uma vez estabelecidos como hábitos, garantem uma vida plena e mais saudável. “Este livro é um guia indispensável para todos aqueles que desejam conhecer melhor o seu corpo e como enfrentar os desafios do dia a dia para cultivar a saúde e o bem-estar” afirma a Delanie.

De acordo com a escritora, a publicação é resultado de uma longa jornada de observação dos hábitos de vida das pessoas e os esforços que algumas delas fazem para conseguir aquilo que acreditam ser o corpo perfeito. “Diante dessa realidade, senti o imenso desejo de compartilhar tudo que aprendi sobre o equilíbrio, a saúde e o bem-estar. No livro mostro que esses cuidados não envolvem apenas uma alimentação saudável e a prática de exercícios, vão além desses dois fatores” diz.

O livro responde questões, como: Quem são os maiores inimigos da saúde e como eles agem?, Como o corpo está capacitado para enfrentar e vencer cada batalha?, Por que adoecemos?, Quais os melhores recursos para manutenção da saúde? e Como contar com o apoio e a força de aliados poderosos? Nas 336 páginas da obra,  o leitor vai poder descobrir como viver em harmonia com as leis naturais e a força de contar com o apoio dos seus agentes de defesas.




Autora- Delanie Viana é escritora e palestrante, graduada em Biologia, Mestre em Fisiologia e especialista em Saúde e Bem-Estar. Atuou como professora universitária em cursos de graduação na área da saúde por 20 anos, lecionando disciplinas básicas sobre o corpo humano. Tal experiência despertou ainda mais seu interesse sobre o tema da saúde e bem-estar. Em 2012 lançou seu primeiro livro intitulado “Planeta Terra: O que Aconteceu?” e começou a ministrar palestras em empresas e eventos. Já em 2018, Delanie fundou a Bem Viverde, uma empresa comprometida com a promoção da saúde e da qualidade de vida que oferece cursos, palestras, consultorias, livros e materiais educativos.

Serviço:

Lançamento do Livro Como Vencer os Inimigos da Saúde

Data: Sábado – 27 de Fevereiro de 2021

Horário: 18h

Local: Pellicano Café- Praça de Casa Forte, 465 - Casa Forte, Recife – PE.

Valor: Entrada gratuita

Valor do livro: R$ 57

Número de páginas:336

ISBN: 2752000100

Comentários


Postagens mais visitadas deste blog

Baixe aqui o livro - Passos para o Reavivamento Pessoal

Clique aqui para baixar a versão PDF.

Por Dentro do Polo | Pernambuco volta a ser o maior produtor de Jeans do Brasil – por Jorge Xavier

O Brasil produziu 341 milhões de peças jeans em 2019. Desse total, o polo produtivo de Pernambuco sustentou 17% do volume. Com algo em torno de 60 milhões de peças no ano, o estado é o maior polo de jeans do país, segundo o iemi - Inteligência de Mercado. Ultrapassou, assim, regiões como norte do Paraná e Santa Catarina. São Paulo é o maior centro comercial, mas, não de produção.Em Pernambuco, a produção está concentrada sobretudo entre Toritama e Caruaru. O valor da produção de peças jeans está estimado em R$ 14,4 bilhões, que corresponde a 9,5% do total nacional da produção textil no ano passado, apontou Marcelo Prado, diretor do leme, que participou de webinar da Santista sobre o futuro do consumo com a covid19. Já o varejo de jeans movimentou R$ 25,3 bilhões, disse Prado. A receita corresponde a 11% do consumo nacional de vestuário, calculado pelo lemi em R$ 231,3 bilhões, com a venda de 6,3 bilhões de peças. Em sua apresentação, Prado mostrou a evolução do mercado nacio

Sem Aspas | Felipe Neto, Álvares de Azevedo e Machado de Assis, qual deles presta um desserviço à nação? - por Amanda Rocha

  O célebre escritor alemão Johann Goethe, autor das obras Fausto (poema trágico) e de Os Sofrimentos do Jovem Werther (seu primeiro romance) escreveu que “O declínio da literatura indica o declínio de uma nação”. Compreenda-se que a formação acadêmica, moral, ética, política, filosófica perpassa a leitura das grandes obras literárias, haja vista que elas instigam o homem a refletir sobre sua própria realidade, sobre os dilemas que o assolam e sobre os valores e conceitos que devem se sobrepor aos conflitos. Hans Rookmaaker, holandês e excelente crítico da arte, diz em seu livro “A arte não precisa de justificativa” que “a arte tem um lugar complexo na sociedade. Ela cria as imagens significativas pelas quais são expressas coisas importantes e comuns. Por meio da imagem artística, a essência de uma sociedade torna-se uma propriedade e uma realidade comuns. Ela dá forma a essas coisas não só intelectualmente, mas também de modo que elas sejam absorvidas emocionalmente, em sentid