Pular para o conteúdo principal

Nutrição e Saúde - Como montar seu prato?, Por Jailson Cavalcante

É comum ouvir que um prato colorido é sinônimo de uma refeição nutritiva. No entanto, para montar um prato saudável é preciso escolher corretamente os alimentos que vão compor a refeição, priorizando o consumo de legumes, verduras, leguminosas e carnes magras.
Uma combinação interessante é criar um prato com cinco cores. “Pode conter um tipo de folhas verdes, uma porção de legumes ou verduras refogadas ou a vapor, um carboidrato, uma leguminosa e uma fonte de proteína”, explica.
Além de variar a alimentação no almoço e jantar, é importante não se esquecer do café da manhã e dos lanches entre as principais refeições. O ideal é que o café da manhã contenha carboidratos, proteínas, boas gorduras e fibras. Já nos lanches intermediários, procure adicionar um farelo sobre as frutas para equilibrar os níveis de açúcar que são liberados por ela. Boas opções são farelo de aveia, flocos de quinoa ou amaranto.
Para tornar a refeição um momento ainda mais prazeroso e benéfico ao organismo, tente alimentar-se sempre com calma, fracione as refeições e alimente-se a cada três horas, use essa regrinha básica. Quando fizer legumes, deixe por no máximo 5 minutos no vapor, assim irá preservar os nutrientes e a consistência crocante dos alimentos.
As gorduras podem ser incluídas na salada, mas com moderação (1 colher de sopa). Entre as opções saudáveis: azeite extravirgem, semente de linhaça, gergelim e chia, além das oleaginosas (nozes, avelãs, amêndoas e castanhas). Evite molhos “gordos” em geral, como os feitos com creme de leite. Aproveite os molhos da própria carne.


Imagem: Webdiet

Algumas dicas de composição do prato
Folhas verdes: como espinafre, agrião, alface, almeirão, rúcula.
Legumes ou verduras refogadas: couve-flor, brócolis, repolho, abobrinha, cenoura, beterraba, abóbora, entre outros.
Carboidrato: arroz integral, quinoa cozida, mandioquinha, inhame, cará.
Leguminosa: feijão, lentilha, grão-de-bico, ervilhas.
Proteína: carnes magras, cogumelos, ovos, peixes ou frango.



Jailson Cavalcante é nutricionista

Comentários


Postagens mais visitadas deste blog

Casa dos Pobres São Francisco de Assis precisa de ajuda

Com a pandemia do novo coronavírus, a Casa dos Pobres São Francisco de Assis, em Caruaru-PE, precisa de ajuda. A Casa, que atende a 77 idosos, está seguindo as recomendações das autoridades sobre a contaminação do vírus. Além da preocupação com a doença, já que todos os moradores do lugar fazem parte do grupo de risco, existe outra preocupação: a dos recursos financeiros para manter os trabalhos.

A instituição é privada e sobrevive de doações, mas sem a renda do estacionamento que funciona no local, as receitas da Casa têm diminuído. O estacionamento está fechado ao público desde a sexta-feira (20), de acordo com a orientação de evitar aglomerações e com o objetivo de garantir a segurança e o bem-estar dos moradores.
Entre os itens que a entidade mais necessita no momento, estão as fraldas descartáveis geriátricas. A Casa contabiliza o uso mensal de mais de 5 mil fraldas. O leite é outra necessidade dos moradores, que têm uma dieta em conformidade com a faixa etária.



Como ajudar? As doaç…

Artigo | Covid-19 e os rumos da educação brasileira - por Mário Disnard

Acredito que a experiência de 2020 será um marco decisivo na educação, visto que a pandemia do Covid-19 nos apresenta, mais do que nunca, a necessidade de repensar o papel social da educação para além do processo de escolarização. No Brasil medidas emergenciais foram tomadas para garantir o processo educativo, entre elas, o trabalho educacional remoto. No entanto, diante de tantos imprevistos, gestores, professores, estudantes e famílias encontraram-se num momento de muita pressão, com várias dúvidas e incertezas.

Diante da atual situação, os limites impostos têm nos apresentado possibilidades inegáveis de transformação, o que nos remete a uma série de questionamentos: há efetivamente uma preocupação com a qualidade social da aprendizagem? O que este período nos informa a respeito de nossos estudantes e de suas famílias com relação as nossas práticas como educadores?O que faz sentido manter e o que mudar? É possível repensar o papel da escola e da sociedade na formação das novas geraçõ…

Estímulo à leitura através da produção literária

Dentre os ofícios do professor, encontra-se o de conduzir os alunos ao universo das artes; ao professor de língua portuguesa, cujo objeto de estudo é a palavra, abordar a arte literária é fundante, nesse intuito, os professores da Escola de Referência em Ensino Médio Professor Lisboa, localizada no bairro da Cohab I, em Caruaru — Pernambucano promovem bimestralmente saraus literários com o foco no despertar da leitura e produção escrita de seus alunos. 



Anualmente, a escola realiza o Concurso de Redação Professora Fernanda Freitas (esse nome é homenagem póstuma a uma ex professora); o concurso elenca diversos gêneros textuais dentre literários e argumentativos; este ano, em sua quarta edição e com o tema “Pelos caminhos da leitura: descobertas do eu e do mundo” os alunos debruçar-se-ão nos gêneros: conto, crônica, dissertação-argumentativa, carta e/ou poesia.
Ademais do concurso, na manhã de premiação dos primeiros colocados em cada categoria, ocorre concomitantemente a publicação da An…