Pular para o conteúdo principal

Por Dentro do Polo / A importância dos toyoteiros para o desenvolvimento econômico do Polo - por Jorge Xavier

O Agreste pernambucano ocupa posição de destaque no cenário da moda nacional como o segundo maior produtor do país. E isso tem atraído olhares de empresários de dentro e até mesmo de fora do Brasil. O Polo hoje contempla cerca de 40 cidades só em Pernambuco, são números bem expressivos mesmo. Essa região teve um grande crescimento econômico principalmente nos últimos 20 anos, vários fatores impulsionaram esse crescimento, principalmente a força, coragem e capacidade empreendedora do nosso povo, que não se dobra diante das dificuldades.

Foto do blog Cenas da Estrada


Mas diante de tudo isso, algo tem ajudado bastante no crescimento dessa região, na verdade tem sido imprescindível para esse desenvolvimento, que são os TOYOTAS BANDEIRANTES (veículos modificados artesanalmente). Só quem é da região sabe a importância desse tipo de transporte, para conduzir as pessoas, como também transportar as nossas mercadorias. Esse tipo  de veículo começou a ser produzido (alongado) na cidade de Brejo da Madre de Deus, no Agreste e é conhecido como LIMOUSINE do Nordeste e também tem grande utilidade por conta da nossa geografia montanhosa, há lugares que só se chega de TOYOTA.

Aqui esses Bandeirantes com fama de resistentes e valentes são usados como transporte alternativo complementar, para transporte escolar, viajens, turismo e para transportar as mercadorias produzidas no Polo de Confecções do Agreste. São eles que ajudam a movimentar essa economia que beira a casa dos R$ 6 bilhões por ano, transportando comerciantes com sua produção para vender nas principais feiras, transportam também os turistas e compradores que circulam na nossa região semanalmente.

Autoridades e representantes de classe debateram
o assunto em audiência pública. Foto: Viliane Gomes/cortesia

Recentemente foi aprovada a lei federal 13.855/2019, proposta pelo deputado pernambucano Daniel Coelho, que entrará em vigor a partir do dia 09-10-19 e altera a condução de passageiros e a infração de grave para gravíssima, além de multa de R$ 1.467,35 e apreensão do veículo. Se providências urgentes não forem tomadas, milhares de trabalhadores ficarão desempregados, hoje no interior são cerca de 10 mil motoristas  trabalham nesse tipo de transporte alternativo. Ontem à tarde (terça-feira 10) foi realizada uma audiência pública na cidade de Santa Cruz do Capibaribe, a principal em produção de confecções, sobre esse sistema de transporte, para tentar encontrar soluções para a categoria. Na ocasião estiveram presentes os deputados Erick Lessa (Presidente da Comissão de Desenvolvimento Econômico), Diogo Morais e Alessandra Vieira, como também alguns prefeitos e vereadores da região, representantes dos governos estadual e federal, e os representantes da categoria, que compareceram em massa, o evento foi de grande proveito. Esperamos que o caso seja solucionado o mais rápido possível para que a nossa economia e a nossa população não sofram com isso.

Jorge Xavier é empreendedor

Comentários


Postagens mais visitadas deste blog

Casa dos Pobres São Francisco de Assis precisa de ajuda

Com a pandemia do novo coronavírus, a Casa dos Pobres São Francisco de Assis, em Caruaru-PE, precisa de ajuda. A Casa, que atende a 77 idosos, está seguindo as recomendações das autoridades sobre a contaminação do vírus. Além da preocupação com a doença, já que todos os moradores do lugar fazem parte do grupo de risco, existe outra preocupação: a dos recursos financeiros para manter os trabalhos.

A instituição é privada e sobrevive de doações, mas sem a renda do estacionamento que funciona no local, as receitas da Casa têm diminuído. O estacionamento está fechado ao público desde a sexta-feira (20), de acordo com a orientação de evitar aglomerações e com o objetivo de garantir a segurança e o bem-estar dos moradores.
Entre os itens que a entidade mais necessita no momento, estão as fraldas descartáveis geriátricas. A Casa contabiliza o uso mensal de mais de 5 mil fraldas. O leite é outra necessidade dos moradores, que têm uma dieta em conformidade com a faixa etária.



Como ajudar? As doaç…

Artigo | Covid-19 e os rumos da educação brasileira - por Mário Disnard

Acredito que a experiência de 2020 será um marco decisivo na educação, visto que a pandemia do Covid-19 nos apresenta, mais do que nunca, a necessidade de repensar o papel social da educação para além do processo de escolarização. No Brasil medidas emergenciais foram tomadas para garantir o processo educativo, entre elas, o trabalho educacional remoto. No entanto, diante de tantos imprevistos, gestores, professores, estudantes e famílias encontraram-se num momento de muita pressão, com várias dúvidas e incertezas.

Diante da atual situação, os limites impostos têm nos apresentado possibilidades inegáveis de transformação, o que nos remete a uma série de questionamentos: há efetivamente uma preocupação com a qualidade social da aprendizagem? O que este período nos informa a respeito de nossos estudantes e de suas famílias com relação as nossas práticas como educadores?O que faz sentido manter e o que mudar? É possível repensar o papel da escola e da sociedade na formação das novas geraçõ…

Estímulo à leitura através da produção literária

Dentre os ofícios do professor, encontra-se o de conduzir os alunos ao universo das artes; ao professor de língua portuguesa, cujo objeto de estudo é a palavra, abordar a arte literária é fundante, nesse intuito, os professores da Escola de Referência em Ensino Médio Professor Lisboa, localizada no bairro da Cohab I, em Caruaru — Pernambucano promovem bimestralmente saraus literários com o foco no despertar da leitura e produção escrita de seus alunos. 



Anualmente, a escola realiza o Concurso de Redação Professora Fernanda Freitas (esse nome é homenagem póstuma a uma ex professora); o concurso elenca diversos gêneros textuais dentre literários e argumentativos; este ano, em sua quarta edição e com o tema “Pelos caminhos da leitura: descobertas do eu e do mundo” os alunos debruçar-se-ão nos gêneros: conto, crônica, dissertação-argumentativa, carta e/ou poesia.
Ademais do concurso, na manhã de premiação dos primeiros colocados em cada categoria, ocorre concomitantemente a publicação da An…