Pular para o conteúdo principal

Inovação e fé | Bem me like, mal me like - por Eduardo Freire

Mais uma vez nos encontramos por aqui, espero que tenha “???CURTIDO???” o nosso texto da semana passada sobre “O ‘novo’ obsoleto”. Hoje quero pensar junto com vocês num tema bem apropriado para este mês onde muitos comemoram o Dia do Amigo e Dia Internacional da Amizade; então “partiu”, a pergunta é para onde foram as curtidas? Cadê meus likes? Quem sou? Sério, sem exageros.

Nos últimos dias muito se comentou sobre o novo modelo de visualização do Aplicativo Instagran, onde não se apresenta mais a quantidade de curtidas das fotos no feed. Li uma matéria esta semana, muito interessante onde se aborda o assunto e trás algumas afirmações sobre este novo modelo; segue algumas destas afirmações parafraseadas:  “a medida da eliminação das curtidas foi para proteger a auto estima de seus usuários”, na sequência outra afirmação foi que “a Competição por cliques tinha motivado a decisão da empresa; e que psicólogos consideram necessidade de aprovação em posts um risco à saúde mental”.

“Uau, a que ponto chegamos como seres de relacionamento, bem no mês da amizade?”



Assisti há alguns anos atrás uma apresentação de dados populacionais e hábitos de consumo, onde se previa este momento que vivemos, dando o nome de “Cultura da Celebridade”, caracterizada por muito contato e pouco vínculo, muita exposição, sem nenhuma aproximação real, muita abertura de portas que nem sequer estavam fechadas.

A ideia da autoestima baseada na curtida do “outro”, revela a fragilidade nos relacionamentos, relacionamentos que já são frutos de vidas frágeis, refletindo e se apareando com outras vidas também frágeis, este tipo de aproximação gera uma relação de co-dependência, alimentada por carências em comum.

Uma vida baseada e edificada em curtidas, histories, hashtags, pode ser uma externalização da ausência de vínculos, cultura da celebridade.

Esta fragilidade leva o ser humano, a ter muitos contatos em busca de likes para produção de uma pseudo afirmação de suas ações.

Então, como proteger a saúde mental de uma mente faminta por aceitação?

O esconder das curtidas, dos likes, não “deu ruim”, pelo contrário, foi ótimo para a exposição destas fragilidades. Isso nos mostra o quanto como seres humanos estamos carentes e ao mesmo tempo perdidos em relação a razão principal da vida e como os vínculos se apresentam tão delicados.

Na busca acelerada de aceitação, podemos correr o risco de esquecermos que já fomos aceitos, amados, chamados, perdoados e temos a nossa disposição um relacionamento eterno com vínculos enraizados em terreno profundo e frutífero.

A bíblia nos afirma...
“Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça; a fim de que tudo quanto em meu nome pedirdes ao Pai, Ele vo-lo conceda”. João 15:16

Numa versão aproximada...
“Não foi você que me seguiu a Mim, mas Eu que segui você antes, te dei likes, porque eu curto você, você é amado, EU promovi seus histories, conheço sua localização todos os dias, e te chamei para que permaneças firmes no propósitos da vida, mesmo que os likes se escondam, e não se revelem a ti. E te afirmo, o que colocaremos no fedd do teu coração em nome do meu Pai, farei que realizes”. #Johnquinzedezesseis

Resumo crendo que Jesus é nossa maior e melhor afirmação, Ele já nos deu o “like” mais especial, a “life”, portanto viva, não espere curtidas, apenas viva, se encontre no propósito divino, sabendo sempre que o autor de tudo AMA você e já tem seus histories preenchidos antes que nenhum deles ainda existisse. Com ELE você não tem risco de “flopar”.

Sim, quase esqueci, Feliz mês das amizades reais e dos vínculos sinceros e duradouros, pois amigo de verdade não manda recado, porque está sempre perto.
Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo,
ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E Eu (Jesus) estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos".
Mateus 28:19,20
“Mitou, vlw”.



Eduardo Freire é publicitário, pós-graduado em Marketing Corporativo, e pastor sênior da Igreja Com Propósito em Caruaru-PE

Comentários

Postar um comentário


Postagens mais visitadas deste blog

Casa dos Pobres São Francisco de Assis precisa de ajuda

Com a pandemia do novo coronavírus, a Casa dos Pobres São Francisco de Assis, em Caruaru-PE, precisa de ajuda. A Casa, que atende a 77 idosos, está seguindo as recomendações das autoridades sobre a contaminação do vírus. Além da preocupação com a doença, já que todos os moradores do lugar fazem parte do grupo de risco, existe outra preocupação: a dos recursos financeiros para manter os trabalhos.

A instituição é privada e sobrevive de doações, mas sem a renda do estacionamento que funciona no local, as receitas da Casa têm diminuído. O estacionamento está fechado ao público desde a sexta-feira (20), de acordo com a orientação de evitar aglomerações e com o objetivo de garantir a segurança e o bem-estar dos moradores.
Entre os itens que a entidade mais necessita no momento, estão as fraldas descartáveis geriátricas. A Casa contabiliza o uso mensal de mais de 5 mil fraldas. O leite é outra necessidade dos moradores, que têm uma dieta em conformidade com a faixa etária.



Como ajudar? As doaç…

Artigo | Covid-19 e os rumos da educação brasileira - por Mário Disnard

Acredito que a experiência de 2020 será um marco decisivo na educação, visto que a pandemia do Covid-19 nos apresenta, mais do que nunca, a necessidade de repensar o papel social da educação para além do processo de escolarização. No Brasil medidas emergenciais foram tomadas para garantir o processo educativo, entre elas, o trabalho educacional remoto. No entanto, diante de tantos imprevistos, gestores, professores, estudantes e famílias encontraram-se num momento de muita pressão, com várias dúvidas e incertezas.

Diante da atual situação, os limites impostos têm nos apresentado possibilidades inegáveis de transformação, o que nos remete a uma série de questionamentos: há efetivamente uma preocupação com a qualidade social da aprendizagem? O que este período nos informa a respeito de nossos estudantes e de suas famílias com relação as nossas práticas como educadores?O que faz sentido manter e o que mudar? É possível repensar o papel da escola e da sociedade na formação das novas geraçõ…

Igreja Batista Pinheirópolis realiza III Culto Cívico

No próximo dia 01º de setembro, a partir das 18h, a Igreja Batista Pinheirópolis, em Caruaru, vai realizar um culto cívico alusivo à Semana da Pátria.
Na ocasião, haverá a presença de oficiais militares e paramilitares de Caruaru. A comunidade religiosa emitiu convites extensivos ao Exército (representado pelo Tiro de Guerra), além de órgãos como Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar e Polícia Civil. Ademais, também serão rendidas graças pelo Dia do Soldado, que foi em 25 de agosto, e o Dia da Independência do Brasil, em 7 de setembro.

O pastor Philip Daniel Warkentien, líder da IB Pinheirópolis, afirma que os convites já foram entregues às autoridades municipais. “Esperamos no Senhor que seja mais um Culto Cívico, que estará lotando a casa do Senhor nosso Deus e dedicando a Ele, que é o único digno de toda Honra, Glória e Louvor”, declara.

O mensageiro oficial da Palavra de Deus naquela ocasião será o coronel da Polícia Militar de Pernambuco Lenildo Maurício, que também é pastor ba…