Pular para o conteúdo principal

Saúde mental - por Estêvão Soares




“Cada um cuide, não somente dos seus interesses, mas também dos interesses dos outros.”  (Filipenses 2:4)

Em plena era pós-moderna e pós-industrial, era informacional, onde a mente e a informação tornam-se cada dia mais importantes nossa mente é desafiada a se manter sã. Olha que parece fácil, mas não é bem assim, principalmente quando se se têm diariamente que vestir, às vezes, vários eu’s, quando tratamos do eu em casa, eu no trabalho, eu na rua, eu com os amigos, eu na igreja, eu no ministério e tanto outros ambientes que circulamos diariamente e aprendemos a nos portar de acordo com as regras e objetivos de cada lugar.

Além disso, aquele trabalhador braçal da revolução industrial vai cada dia mais dando lugar ao trabalhador sedentário que passa o dia sentado em uma cadeira na frente de um computador e utiliza cada dia mais da sua mente para desenvolver suas tarefas.

Sendo assim, não é de estranhar que em um auditório de igreja tenha-se tantas pessoas acometidas de depressão, ansiedade, esquizofrenia, transtorno alimentar, transtorno bipolar, entre tantas outras doenças mentais.  Podemos até parafrasear: “Quem não tem problema mental que atire a primeira...”

Mas, o problema não está somente em ter uma doença mental, a grande questão está em aceitar que é necessário ter uma saúde mental sã. Muitas pessoas têm muitas dificuldades em aceitar que sua saúde mental não está perfeita. Na verdade, podemos até concordar que nossa cultura brasileira está mais para chamar de louco ou maluco alguém com problema mental do que trata-lo como deve ser.

A grande consequência que temos enfrentado é que cada dia mais recebemos notícias de suicídios e suicídios. Isso só revela o quanto à saúde mental é importante e o quanto cuidar dela é necessário.



Uma das características de Jesus que deve ser replicada em sua igreja é ser contra cultural. Isso implica em não seguimos os padrões dessa era, mas nos empenhar em cuidar da nossa saúde mental, pois dela dependemos para viver uma vida abundante. Vida abundante como Jesus prometeu no evangelho de João está relacionada a todas as áreas, emocional, espiritual e física. Jesus ama o homem por completo e o restaura por completo. O propósito de Deus também é uma vida emocionalmente saudável.

Desta forma, Rick Warren apresentou recentemente 3 maneiras para ter-se uma vida saudável no seu maior campo de batalha e patrimônio, sua mente.

O primeiro, não poderia ser diferente, colocar o seu foco em Jesus. Segundo Warren existe um ditado americano que diz: você se torna o que pensa. Partindo desse princípio, em casa ou no trabalho, se quer tornar-se igual a Jesus, se quer ter saúde mental saudável, preencha seus pensamentos com Ele. Como disse Jesus em Mateus 6.33, “Buscai em primeiro lugar o Reino de Deus...”

Segundo, pense no outro. Assim, como recomenda Paulo aos Filipenses, devemos pensar-nos outros, apesar da cultura pós-moderna, humanista, egoísta e hedonista em que vivemos dizer que você deve pensar em você, que você deve se valorizar, que o outro não importa, você tem que fazer a sua parte porque você é o melhor. É muito interessante como Jesus já ensinava e vivia o contrário, não pense em si mesmo, pense no outro, “aquele que quiser ser o primeiro, seja o servo de todos”, em outra passagem Ele diz: “se alguém lhe pedir pra andar uma milha, ande duas”. Portanto, Quando você pensa em Jesus, naturalmente pensará no outro, Ele é o maior exemplo disso.

Finalmente, pense na eternidade. O pastor recomenda que pensar nessa verdade nos faz ter esperança naquilo que Paulo escreveu aos Coríntios em sua primeira carta. “Olho nenhum viu, ouvido nenhum ouviu, mente nenhuma imaginou o que Deus preparou para aqueles que o amam";

Portanto, nesse tempo, não abra mão da saúde mental por vergonha ou o que seja não deixe o outro doente mentalmente se você pode ajuda-lo. Somos pressionados por resultado, lucro, crescimento, desafios, mas, isso tudo não deve ser conquistado à custa de nossa saúde mental. Concentre-se naquilo que realmente importa, segundo Rick, quando começa a se concentrar em verdades como essas todos os seus problemas parecem inferiores em comparação com a glória, alegria e o prazer das coisas que nos esperam na eternidade.

Lembre-se, sua mente é seu maior campo de batalha. A empresa, o negócio, sua casa, a rua, o desemprego, os relatórios, os resultados, as metas, não chegam ao páreo em comparação com os desafios e as batalhas da sua mente, por isso, ore, busquem ajuda, trabalhe, lutem, mas, não esqueça que a esperança de dias melhores é possível quando somos saudáveis mentalmente.

Estêvão Soares é bacharel em Administração. Escreve para ConTexto aos sábados

Comentários


Postagens mais visitadas deste blog

Casa dos Pobres São Francisco de Assis precisa de ajuda

Com a pandemia do novo coronavírus, a Casa dos Pobres São Francisco de Assis, em Caruaru-PE, precisa de ajuda. A Casa, que atende a 77 idosos, está seguindo as recomendações das autoridades sobre a contaminação do vírus. Além da preocupação com a doença, já que todos os moradores do lugar fazem parte do grupo de risco, existe outra preocupação: a dos recursos financeiros para manter os trabalhos.

A instituição é privada e sobrevive de doações, mas sem a renda do estacionamento que funciona no local, as receitas da Casa têm diminuído. O estacionamento está fechado ao público desde a sexta-feira (20), de acordo com a orientação de evitar aglomerações e com o objetivo de garantir a segurança e o bem-estar dos moradores.
Entre os itens que a entidade mais necessita no momento, estão as fraldas descartáveis geriátricas. A Casa contabiliza o uso mensal de mais de 5 mil fraldas. O leite é outra necessidade dos moradores, que têm uma dieta em conformidade com a faixa etária.



Como ajudar? As doaç…

Artigo | Covid-19 e os rumos da educação brasileira - por Mário Disnard

Acredito que a experiência de 2020 será um marco decisivo na educação, visto que a pandemia do Covid-19 nos apresenta, mais do que nunca, a necessidade de repensar o papel social da educação para além do processo de escolarização. No Brasil medidas emergenciais foram tomadas para garantir o processo educativo, entre elas, o trabalho educacional remoto. No entanto, diante de tantos imprevistos, gestores, professores, estudantes e famílias encontraram-se num momento de muita pressão, com várias dúvidas e incertezas.

Diante da atual situação, os limites impostos têm nos apresentado possibilidades inegáveis de transformação, o que nos remete a uma série de questionamentos: há efetivamente uma preocupação com a qualidade social da aprendizagem? O que este período nos informa a respeito de nossos estudantes e de suas famílias com relação as nossas práticas como educadores?O que faz sentido manter e o que mudar? É possível repensar o papel da escola e da sociedade na formação das novas geraçõ…

Igreja Batista Pinheirópolis realiza III Culto Cívico

No próximo dia 01º de setembro, a partir das 18h, a Igreja Batista Pinheirópolis, em Caruaru, vai realizar um culto cívico alusivo à Semana da Pátria.
Na ocasião, haverá a presença de oficiais militares e paramilitares de Caruaru. A comunidade religiosa emitiu convites extensivos ao Exército (representado pelo Tiro de Guerra), além de órgãos como Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar e Polícia Civil. Ademais, também serão rendidas graças pelo Dia do Soldado, que foi em 25 de agosto, e o Dia da Independência do Brasil, em 7 de setembro.

O pastor Philip Daniel Warkentien, líder da IB Pinheirópolis, afirma que os convites já foram entregues às autoridades municipais. “Esperamos no Senhor que seja mais um Culto Cívico, que estará lotando a casa do Senhor nosso Deus e dedicando a Ele, que é o único digno de toda Honra, Glória e Louvor”, declara.

O mensageiro oficial da Palavra de Deus naquela ocasião será o coronel da Polícia Militar de Pernambuco Lenildo Maurício, que também é pastor ba…