Pular para o conteúdo principal

I Festival de Teatro Infantil Prazeres Barbosa revela novos talentos

No domingo, 20, ocorreu a 1ª edição do Festival de Teatro Prazeres Barbosa, em Caruaru. O evento serviu para revelar novos nomes nas artes cênicas do município, além de abrir espaço para outras manifestações artísticas.

Durante o Festival, a atriz Mirelly Katarine, de 12 anos, apresentou um diálogo da Gata com a galinha, excerto do espetáculo Os Saltimbancos, com a música ‘História de uma gata’.

Em seguida, a cantora Maria Luiza, 10, fez uma belíssima interpretação acapella da música ‘Hallelujah’, na versão da cantora Gabriela Rocha.

O artista circense Yudi Hirakawa, 8, chamou a atenção do público devido à sua performance utilizando malabares, além do carisma para com a plateia.

Ainda durante a programação, o grupo Cultura e Arte apresentou uma adaptação do espetáculo ‘Captura do Saci’, baseado na célebre obra do escritor Monteiro Lobato, o Sítio do Picapau Amarelo. A trupe é formada pelos atores Joyce Annyeli, 11 (Tia Anastácia); Mirele Martins, 12 (Emília); Jadiel Ricardo, 11 (Saci-pererê); Gabriel de Araujo, 14 (Pedrinho); e Maria Clara, 12 (Narizinho), sob a direção do jovem Allison Silva, de 18 anos, que tem se destacado nas mais diversas linguagens artísticas no ambiente cultural caruaruense.

O festival contou ainda com a participação da atriz Luiza Victoria, de 12 anos, que interpretou o monólogo Criança, de sua autoria, no qual falou sobre o combate à violência contra a infância, propiciando um momento de reflexão na plateia acerca de um assunto tão relevante.

Posteriormente, a pequena Maria Julia, de apenas 4 anos, realizou uma belíssima apresentação da música ‘Digno de Louvor/Agnus Dei’, de Aline Barros, inserindo música e coreografia.

Por fim, a garota Luiza Victoria voltou ao palco, desta feita para interpretar a canção ‘Ouvi Dizer’, de Melim.

O Festival contou ainda com a participação especial da cantora Thayse Luck, que abrilhantou o evento interpretando canções infantis, propiciando um momento de muita alegria.

O evento também teve uma exposição de quadros de artistas locais, a exemplo de Angélica Santos, Thays Avelino e Luzimar Alves, entre outros.

A programação contou também com uma homenagem surpresa à professora Marinalda Santos, a qual tem relevantes serviços prestados à arte e à sociedade, no que diz respeito à ressocialização de crianças em situação de risco. Ela integrou o corpo de jurados, ao lado de Wirandéa Lima, Ingred Ribeiro, Maria Eugênisa e Angélica Santos.

Através das redes sociais, o ator Nerisvaldo Alves, idealizador do evento, registrou sua satisfação pela atividade. “Parabenizo a todos os participantes, ao mesmo em que agradeço pelo voto de confiança, estamos de parabéns pois tivemos belíssimas  apresentações e uma plateia maravilhosa. Fica neste o gostinho de quero mais. A todos, o nosso muito obrigado”, postou.


Confira algumas fotos do I Festival de Teatro Infantil Prazeres Barbosa:

A Gata, dOs Saltimbancos, com Mirelly Katarine

Exposição artística


A pequena cantora e dançarina Maria Júlia, de 04 aninhos


Yudi Hirakawa abrilhantou o evento 

Acapella, Maria Luisa interpreta 'Hallelujah'

Debate com diretor e atores dO Sítio do Picapau Amarelo

Momento de muita animação e música

O talento de Thayse Luck



Nerisvaldo Alves agradecendo à plateia


Todo o plantel de artistas e produção




Comentários

  1. Tarde maravilhosa e construtiva! Os artistas estão todos de parabéns!

    ResponderExcluir
  2. foi uma tarde maravilhosa já estou ansiosa para o próximo evento!

    ResponderExcluir

Postar um comentário


Postagens mais visitadas deste blog

Casa dos Pobres São Francisco de Assis precisa de ajuda

Com a pandemia do novo coronavírus, a Casa dos Pobres São Francisco de Assis, em Caruaru-PE, precisa de ajuda. A Casa, que atende a 77 idosos, está seguindo as recomendações das autoridades sobre a contaminação do vírus. Além da preocupação com a doença, já que todos os moradores do lugar fazem parte do grupo de risco, existe outra preocupação: a dos recursos financeiros para manter os trabalhos. A instituição é privada e sobrevive de doações, mas sem a renda do estacionamento que funciona no local, as receitas da Casa têm diminuído. O estacionamento está fechado ao público desde a sexta-feira (20), de acordo com a orientação de evitar aglomerações e com o objetivo de garantir a segurança e o bem-estar dos moradores. Entre os itens que a entidade mais necessita no momento, estão as fraldas descartáveis geriátricas. A Casa contabiliza o uso mensal de mais de 5 mil fraldas. O leite é outra necessidade dos moradores, que têm uma dieta em conformidade com a faixa etária.

Artigo | Covid-19 e os rumos da educação brasileira - por Mário Disnard

Acredito que a experiência de 2020 será um marco decisivo na educação, visto que a pandemia do Covid-19 nos apresenta, mais do que nunca, a necessidade de repensar o papel social da educação para além do processo de escolarização. No Brasil medidas emergenciais foram tomadas para garantir o processo educativo, entre elas, o trabalho educacional remoto. No entanto, diante de tantos imprevistos, gestores, professores, estudantes e famílias encontraram-se num momento de muita pressão, com várias dúvidas e incertezas. Diante da atual situação, os limites impostos têm nos apresentado possibilidades inegáveis de transformação, o que nos remete a uma série de questionamentos: há efetivamente uma preocupação com a qualidade social da aprendizagem? O que este período nos informa a respeito de nossos estudantes e de suas famílias com relação as nossas práticas como educadores?   O que faz sentido manter e o que mudar? É possível repensar o papel da escola e da sociedade na formação das novas

Recordação | Crianças se divertem e aprendem em EBF - por Fábio Santana

 Aconteceu e foi uma bênção de Deus a Escola Bíblica de Férias(EBF), da Congregação do Vale da Bênção do bairro Luiz Gonzaga em Caruaru em Julho de 2019. Foi tudo perfeito e muito organizado pela irmã Maria Marques e Deus abençoou de forma tremenda. " Deus nos abençoou tremendamente e fiquei muito feliz ao ver tantas crianças na Igreja sendo evangelizadas e os pais adorando ao Senhor" frisou a missionária Carla Mestre. Os jovens da Bandinha da 2 Igreja Evangélica Congregacional Vale da Benção do Kennedy alegraram os baixinhos. A irmã Josi Carvalho e a irmã Maria Marques ficaram na sala de oração intercedendo pela EBF. Uma boa recordação da Escola Bíblica de Férias( EBF) que aconteceu no mês de Julho de 2019. Colaboração: Fábio Santana.