Pular para o conteúdo principal

Aprender com Saúde firma parceria com Biesp

O Aprender com Saúde, programa desenvolvido em conjunto pelas Secretarias de Saúde e de Educação de Caruaru, firmaram parceria com o Biesp.


A primeira ação foi realizada na última sexta-feira (13) e levou os alunos do terceiro ano da Escola Municipal Dr. Tabosa de Almeida, de Terra Vermelha, para conhecer de perto o trabalho da polícia, saber um pouco mais sobre a profissão, conhecer o batalhão e as viaturas, além de aprender sobre cidadania e cultura de paz.
Ações retratam a importância do policiamento.
Foto: Jorge Farias/SECOM PMC


“A parceria foi firmada após a identificação em um trabalho na sala de aula, onde a maioria das crianças disse que gostaria de ser policial quando adultos. Então, achamos interessante levá-las até o Biesp para elas poderem conhecer o espaço e entender a importância do policiamento na sociedade”, explicou a coordenadora do Aprender com Saúde, Carina Toscano.




As próximas ações junto com o Biesp são nos dias 24 e 26 de abril. No entanto, o calendário de ações do Aprender com Saúde continua com as outras parcerias esta semana:


16 de abril
9h – Combate ao Aedes aegypti (Arte-educadores) – CMEI Helena Martins
14h - Combate ao Aedes aegypti (Arte-educadores) – CMEI Dona Biu
14h – Escola Amiga do Samu – Escola Municipal Dr. Amaro de Lyra e César (Caic)

17 de abril
8h – Saúde Bucal – Escola Margarida Miranda
14h - Combate ao Aedes aegypti (Arte-educadores) – CMEI Tia Malude
14h – Escola Amiga do Samu – Escola Municipal Professor Rubem de Lima Barros
19h – Destra na rota da Escola – Escola Augusto Tabosa
19h – Fisioterapia – Escola Presidente Kennedy

18 de abril
9h - Combate ao Aedes aegypti (Arte-educadores) – CMEI Professora Nerine
14h – Meio Ambiente (Arte-educadores) – Escola Gotinha de Amor
14h – Escola Amiga do Samu – Escola Municipal Professor Rubem de Lima Barros

19 de abril
9h - Combate ao Aedes aegypti (Arte-educadores) – CMEI Severino Biu
14h - Combate ao Aedes aegypti (Arte-educadores) – CMEI Guiomar Alves de Lima
19h - Destra na rota da Escola – Escola Santos Anjos

20 de abril
8h – Saúde Bucal – Escola João Luiz Torres
14h – Atividade física – Academia Luiz Bezerra Torres


Da Assessoria

Comentários


Postagens mais visitadas deste blog

Baixe aqui o livro - Passos para o Reavivamento Pessoal

Clique aqui para baixar a versão PDF.

Por Dentro do Polo | Pernambuco volta a ser o maior produtor de Jeans do Brasil – por Jorge Xavier

O Brasil produziu 341 milhões de peças jeans em 2019. Desse total, o polo produtivo de Pernambuco sustentou 17% do volume. Com algo em torno de 60 milhões de peças no ano, o estado é o maior polo de jeans do país, segundo o iemi - Inteligência de Mercado. Ultrapassou, assim, regiões como norte do Paraná e Santa Catarina. São Paulo é o maior centro comercial, mas, não de produção.Em Pernambuco, a produção está concentrada sobretudo entre Toritama e Caruaru. O valor da produção de peças jeans está estimado em R$ 14,4 bilhões, que corresponde a 9,5% do total nacional da produção textil no ano passado, apontou Marcelo Prado, diretor do leme, que participou de webinar da Santista sobre o futuro do consumo com a covid19. Já o varejo de jeans movimentou R$ 25,3 bilhões, disse Prado. A receita corresponde a 11% do consumo nacional de vestuário, calculado pelo lemi em R$ 231,3 bilhões, com a venda de 6,3 bilhões de peças. Em sua apresentação, Prado mostrou a evolução do mercado nacio

Sem Aspas | Felipe Neto, Álvares de Azevedo e Machado de Assis, qual deles presta um desserviço à nação? - por Amanda Rocha

  O célebre escritor alemão Johann Goethe, autor das obras Fausto (poema trágico) e de Os Sofrimentos do Jovem Werther (seu primeiro romance) escreveu que “O declínio da literatura indica o declínio de uma nação”. Compreenda-se que a formação acadêmica, moral, ética, política, filosófica perpassa a leitura das grandes obras literárias, haja vista que elas instigam o homem a refletir sobre sua própria realidade, sobre os dilemas que o assolam e sobre os valores e conceitos que devem se sobrepor aos conflitos. Hans Rookmaaker, holandês e excelente crítico da arte, diz em seu livro “A arte não precisa de justificativa” que “a arte tem um lugar complexo na sociedade. Ela cria as imagens significativas pelas quais são expressas coisas importantes e comuns. Por meio da imagem artística, a essência de uma sociedade torna-se uma propriedade e uma realidade comuns. Ela dá forma a essas coisas não só intelectualmente, mas também de modo que elas sejam absorvidas emocionalmente, em sentid